Resumo da Semana 3 da BFA Elite

A Semana 3 da BFA Elite chegou ao fim e o Mapa do FABR irá fazer um breve resumo das duas partidas da rodada.

Foram marcados 57 pontos, uma média de 28,5 pontos por partida; 1 touchdown aéreo, 5 corridos, 2 pick six, 5 extra points e 1 safety.

Galo FA 29 x 6 Tritões

O atual bicampeão brasileiro estreou na BFA Elite com muitas dúvidas. O Galo perdeu muitos nomes desde o Brasil Bowl em dezembro, são eles: os QBs Álvaro Fadini (Cineplexx Blue Devils/Áustria) e Maycon Dacaza (aposentou), os defensores Felipe Gerarde (sem time), Andrew Bernardini (Dolphins Ancona/Itália), João Vitor “Queixada” (aposentou), Marcos Bunn (Istepôs) e Luís Polastri (T-Rex), o WR Rudá Navaillez (Vasco Almirantes) e quatro jogadores que foram para o Tritões Victor “Paçoca” Thomé, Felipe de Bortoli, Leonardo de Bortoli e Pedro Medici.

Para compensar, o time trouxe os OLs Pollys Junio (América Locomotiva), Marcos Agum (Flamengo Imperadores) e Felipe Garcia (Tubarões do Cerrado), os defensores Camilo Soares (Contagem Inconfidentes), Bruno Bachur, Bruno Nascimento e Renato Durães (América Locomotiva), Ryan David (Aztecas Udlap), Luís Alves (T-Rex), Lucas Vasconcelos (Tigres), Charles Wagner (Tubarões do Cerrado), Guilherme Aleixo (Waldorf Warriors) e Michael James (Yeditepe Eagles). No ataque trouxe os jovens QBs Erick D’Paula (Betim Bulldogs) e Yaggo Brito (Santa Cruz Chacais), além dos ótimos WRs Athos Daniel Jr. (Coritiba Crocodiles) e Victor Vilaça (Leones Anahuac).

Em muitas posições os novos jogadores não estão no mesmo nível dos que saíram, muitos são jovens e estão em desenvolvimento, caso dos dois QBs.

O Tritões também se reformulou, o lendário Trapa assumiu na posição de Head Coach e está criando um projeto no time. Além dos reforços vindos do Galo, o time capixaba contou com a desaposentação do QB Altivo Ribeiro, o Tivinho.

Sobre o jogo, todos foram pegos de surpresa com a escalação do QB Arthur Antunes, criado na base do time, e vimos um Galo focado nas corridas do americano Parris Lee, que mesmo muito bem marcadas pela defesa capixaba, ainda conseguiam fazer um baita estrago.

Tirando as corridas de Lee e um maravilhoso touchdown do WR João Conrado, os ataques não tiveram brilho, não necessariamente por mérito das defesas. Os QBs não tinham tempo no pocket e não aproveitavam os raros momentos para lançar. Ambos foram interceptados e cederam uma pick six cada. Não creio que o Tritões tenha uma segunda opção, mas tenho certeza que Arthur não será titular.

Sobre as defesas, preciso destacar a forte linha capixaba, que teve um imenso trabalho para parar Lee, seja nas corridas ou nos passes curtos. A principalmente a sensacional linha defensiva mineira, capitaneada pelo incansável Tuleba, perdeu um pouco de sua força, mas ainda é forte o suficiente para passar por qualquer OL brasileira.

Por fim, parece que o Galo venceu com tranquilidade, mas não foi bem assim. O bicampeão se distanciou no placar no segundo tempo, quando a preparação fisíca fez toda a diferença. O Galo ainda é um dos favoritos, mas não tão absoluto como nos dois últimos anos. Acredito que os duelos contra Portuguesa e América Locomotiva, ambos no final da primeira fase, mostrarão o verdadeiro poderio desse time.

O Tritões volta a jogar no dia 03/08 contra o Macaé Oilers. O Galo joga dia 10/08 contra o Challengers.

Mais em: Galo bate Tritões em tarde de estreias na BFA (The Playoffs), Parris Lee brilha e Galo vence Tritões na estréia da Liga BFA (Salão Oval) e Galo FA encontra dificuldade, bate Tritões e estreia com vitória na BFA (O Tempo).

Partida completa:

UFERSA Petroleiros 15 x 7 Natal Scorpions

UFERSA Petroleiros e Natal Scorpions jogaram pela segunda vez na BFA Elite e o jogo já era decisivo. Perder a partida significavaa ficar muito próximo da BFA Acesso em 2020 e os dois times sentiram a pressão, foram mais de 20 faltas, diversos turnovers e muitos erros ofensivos.

Os quarterbacks até conseguiam avançar com passes, mas na red zone os ataques não estavam sendo efetivos, forçando os QBs Daniel Torres (Scorpios) e Lucas Vinicius a correrem para os três touchdowns da partida.

Os dois times voltam a jogar no dia 03/08 contra seus algozes da primeira rodada, o UFERSA contra o Ceará Caçadores e o Scorpions contra o Bulls Potiguares.

Mais em: Petroleiros vence duelo potiguar e se recupera na BFA (Salão Oval)